A Bagueera kiplingue entra no Rock!

26/08/17 - A bagueera kiplingi de visita numa steakhouse?

ver evento

+ QUEM SÃO ?

Somos uma família que ama brincar se divertir e dar muita risada. Embarcamos na maior aventura das nossas vidas, viver o presente maior, +amor!!!

+ CONTINUUM ?

Entrevistamos pessoas cabazes de falar com o coração para compartir o que pensam sobre o amor e como o vivem no seu dia a dia... +amor continuum...

+ DESAPRENDER ?

Somos partículas curiosas, emocionadas, livres, investigando tudo aquilo que nossa intuição anda perseguindo, inovadores apaixonados.

Cantos e Mantras Ana & Tom

Quando os pais cantam, os bebês participam de maneira ativa, nos imitam e se sentem o centro da atenção. Os mantras também são afirmações de Luz, e quando a mãe e o pai cantam conectados com o universo dentro de si, cria-se uma proteção sutil na família que identifica a Essência Divina contida em todos os seres, as freqüências se elevam e a gente se conecta com a essência do ser tão presente e palpável nos bebes. Dispomos de um repertório de mantras e vocalizações simples tanto no ritmo como na melodia, acrescentamos pequenos gestos que desenvolvemos a memória e a motricidade, atividade que ajudam  a envolver os pais mais tímidos, para que todos possamos cantar para o bebê.

+ saber mais...
+amor_continuum

+ A Família mais amor conta através dos mais variados relatos, como o amor faz parte da nossa vida e que espaço ele habita em nossas cidades. As crianças interagem com o entrevistado compondo a introdução da sua entrevista com os elementos do seu dia a dia. Ao escutar os depoimentos desenhamos um mapa emocional do nosso hatitat, observamos suas influencias, tradições, raizes, sonhos… Ao mencionar-lo, o amor acontece, aparece e se propaga, seja trasnparente num sorriso ou distante em um olhar ele está lá.

+ saber mais...
mais amor infog.

+Amor continuum. Desde 2009 o projeto teve oportunidade de capturar opiniões sobre o amor em diferentes países, como Espanha, Marrocos, Colômbia, Argentina, México e Brasil. Já são mais de 100 entrevistas, com pessoas de diferentes áreas de atuação, no Brasil alguns nomes como Jaques Morelembaum; o mestre de Capoeira, Mestre “Sombra”; o Pianista de Jazz Cubano, Omar Sosa; a antropóloga, Noemi Paymal (Pedagogia 3000); entre outras tantas vozes…

Documentar manifestar difundir:
– Diferentes formas de amar e de reconhecer o amor, 
– Promover o debate intercultural e originar sensações,
– Ocasionar um espaço de interação, onde o espectador
sinta e ouça a obra como sendo dela.
– Criar uma documentação válida para as futuras gerações.

Procurar entrevista, por cidade ou nome do entrevistado: